12/08/2022  14h39
· Guia 2022     · O Guaruçá     · Cartões-postais     · Webmail     · Ubatuba            · · ·
O Guaruçá - Informação e Cultura
O GUARUÇÁ Índice d'O Guaruçá Colunistas SEÇÕES SERVIÇOS Biorritmo Busca n'O Guaruçá Expediente Home d'O Guaruçá
Acesso ao Sistema
Login
Senha

« Cadastro Gratuito »
SEÇÃO
Arquitetura e Engenharia
26/02/2022 - 06h09
Neuroarquitetura
 
 
Técnica cada vez mais utilizada nos projetos de arquitetura. Indicada para aumentar a produtividade e concentração dos colaboradores ou, até mesmo, o engajamento dos clientes

Quem já não ouviu falar sobre o poder que as cores dos ambientes de fast-food tem? Não à toa, o cérebro reage de formas diferentes, porém com um padrão específico. Usando esta mesma lógica, é possível aplicar a neuroarquitetura de forma estratégica.

A decoração caótica dos ambientes da casa do programa Big Brother Brasil 2022, por exemplo, foi milimetricamente planejada para gerar desconforto. As cores, estampas, texturas e luz em excesso trazem alteração do relógio biológico, o que pode afetar no conforto e no humor dos participantes, gerando estresse mental e desconforto emocional. A neuroarquitetura explica que a cor do ambiente estimula e potencializa os sentimentos.

Em contrapartida, a ausência de cor e estampas por completo, como o famoso “quarto branco”, utilizado em outras edições, também foi causa de muito estresse para os participantes confinados. 

“Quando projetamos com foco na neuroarquitetura, buscamos equilíbrio, para cada usuário. Vemos o oposto nestes casos.” diz a arquiteta Giovanna Portela da Santo Projeto Arquitetura (www.instagram.com/santoprojetoarq). Ainda sobre esse conceito, a arquiteta Flávia Porto, sócia da Santo Projeto, reforça “Neuroarquitetura é o estudo do impacto que um ambiente tem no nosso cérebro, como ele pode afetar e modificar nosso comportamento, despertando emoções e sentimentos e, consequentemente, na nossa qualidade de vida e bem-estar”.

A falta de ambientes projetados, pensando no conforto e no descanso adequado, principalmente em ambientes como a sala e quarto, afeta na adrenalina e outros hormônios, fazendo com que os participantes também percam o equilíbrio e, assim, mais conflitos podem ser gerados dentro da casa.

Já nos projetos corporativos, o foco principal é criar ambientes humanizados capazes de influenciar positivamente os níveis de motivação, o comportamento e a socialização dos colaboradores. Principalmente após a pandemia, que muitos desses ambientes tiveram a sua dinâmica 100% remanejada.

Entretanto, cada pessoa recebe e decodifica os estímulos do ambiente de maneiras diferentes, por isso os projetos arquitetônicos e decorativos são desenvolvidos de forma única.

PUBLICIDADE
ÚLTIMAS PUBLICAÇÕES SOBRE "ARQUITETURA E ENGENHARIA"Índice das publicações sobre "ARQUITETURA E ENGENHARIA"
05/08/2022 - 06h17 Perícias de engenharia em processos judiciais
03/08/2022 - 06h16 Para deixar a casa mais aconchegante no inverno...
24/06/2022 - 06h31 Mármores e granitos
03/06/2022 - 06h16 Construir uma casa no Brasil está mais caro
31/03/2022 - 06h01 O novo minimalismo na arquitetura e decoração
· FALE CONOSCO · ANUNCIE AQUI · TERMOS DE USO ·
Copyright © 1998-2022, UbaWeb. Direitos Reservados.