07/12/2022  08h17
· Guia 2022     · O Guaruçá     · Cartões-postais     · Webmail     · Ubatuba            · · ·
O Guaruçá - Informação e Cultura
O GUARUÇÁ Índice d'O Guaruçá Colunistas SEÇÕES SERVIÇOS Biorritmo Busca n'O Guaruçá Expediente Home d'O Guaruçá
Acesso ao Sistema
Login
Senha

« Cadastro Gratuito »
SEÇÃO
Medicina e Saúde
25/09/2022 - 05h59
Mordida cruzada
 
 
Como ela afeta as atividades do dia a dia? Dificuldades na respiração e na dicção são alguns dos problemas causados pelo distúrbio

Perceptível na maioria dos casos, a mordida cruzada é um problema bucal comum, que começa a ser notado, normalmente, na infância. O distúrbio consiste no desencontro entre os dentes da arcada superior e os da arcada inferior. “Pode ser genético ou causado por outros fatores externos, como chupar o dedo ou chupetas, uso excessivo de mamadeiras e perda precoce dos dentes. Tudo isso pode causar o desalinhamento na arcada”, explica a dentista Caroline Aranalde.

Tipos

1) Mordida cruzada anterior: ocorre quando os dentes da frente da arcada superior não cobrem a inferior.

2) Mordida cruzada posterior: ocorre quando os dentes de trás não possuem o encaixe correto.

3) Mordida cruzada lateral: ocorre quando o desalinhamento é apenas em um dos lados da boca.

Consequências

Muito além da aparência, a mordida cruzada pode causar diversos problemas incluindo dores na mandíbula e enxaqueca. “O desalinhamento prejudica no desenvolvimento fonoaudiólogo, na mastigação e também na respiração dos pacientes. Se duradouro, o quadro pode trazer problemas como bruxismo, perda de dentes, e comprometimento das articulações, apresentando estalos na abertura e fechamento da boca, o que causa dor de cabeça, dor muscular e zumbidos no ouvido. A postura também pode ser prejudicada”, informa a dentista e especialista da ClearCorrect.

Tratamento

O tratamento ortodôntico é uma das formas utilizadas para corrigir o distúrbio. “Os aparelhos ortodônticos ou alinhadores transparentes são algumas das opções indicadas. E para melhores resultados, o tratamento deve ser realizado o mais precocemente possível.” A especialista ainda ressalta a importância da consulta ao dentista, para que ele possa avaliar o caso e assim sugerir a melhor forma de tratamento.

PUBLICIDADE
ÚLTIMAS PUBLICAÇÕES SOBRE "MEDICINA E SAÚDE"Índice das publicações sobre "MEDICINA E SAÚDE"
03/12/2022 - 05h39 6 mitos sobre a saúde ocular infantil
02/12/2022 - 06h41 40 anos da aids no Brasil
30/11/2022 - 05h13 Dicas para pessoas com cirurgias eletivas marcadas
28/11/2022 - 06h21 As 7 doenças mais comuns após os 50 anos de idade
25/11/2022 - 05h35 9 causas de dor nos olhos
24/11/2022 - 06h05 1 a cada 4 pessoas sofre com arritmias cardíacas
· FALE CONOSCO · ANUNCIE AQUI · TERMOS DE USO ·
Copyright © 1998-2022, UbaWeb. Direitos Reservados.