12/06/2021  15h08
· Guia 2021     · O Guaruçá     · Cartões-postais     · Webmail     · Ubatuba            · · ·
O Guaruçá - Informação e Cultura
O GUARUÇÁ Índice d'O Guaruçá Colunistas SEÇÕES SERVIÇOS Biorritmo Busca n'O Guaruçá Expediente Home d'O Guaruçá
Acesso ao Sistema
Login
Senha

« Cadastro Gratuito »
SEÇÃO
Brasil
07/06/2021 - 06h32
Nova Lei de Licitações e a plataforma BIM
Jessica Rodrigues Duarte
 

O governo federal estabeleceu, por meio do decreto nº 10.306, de 2 de abril de 2020, a utilização do BIM (Building Information Modelling) na execução direta ou indireta de obras e serviços de engenharia realizadas pelos órgãos e pelas entidades da administração pública federal.

Mais recentemente, a nova Lei de Licitações (Lei 14.133/21) estabeleceu, em seu artigo 19, § 3º, a preferência pela utilização do BIM ou tecnologias e processos integrados similares ou mais avançados que venham a substituí-la nas licitações de obras e serviços de engenharia e arquitetura.

Mas o que é BIM? Do inglês “Building Information Modeling”, quer dizer Modelagem de Informação da Construção. Trata-se de um processo 3D inteligente baseado em modelo que equipa os profissionais de arquitetura, engenharia e construção com informações e ferramentas que lhes permitem planejar, projetar, construir e gerenciar edificações e infraestrutura com mais eficiência.

O BIM não é um programa, mas um sistema onde você pode utilizar várias ferramentas, como o Revit, Navisworks, Archicad, Altoqi e TQS para inserir, editar ou ler informações do modelo, e permite a colaboração de diferentes profissionais durante a viabilidade, projeto, planejamento, execução e operação do edifício. A implantação da estratégia BIM traz benefícios tanto para o governo quanto para o mercado.

Embora a implementação do BIM no Brasil ainda esteja começando se comparado com outros países, o Governo Brasileiro definiu uma estratégia e tem adotado medidas para estimular o uso dessa plataforma. Santa Catarina foi o primeiro estado brasileiro a definir que as licitações deveriam ser feitas no modelo BIM a partir de 2019, sendo a sua utilização, desde então, obrigatória para as obras públicas realizadas no estado.

O Governo Federal também lançou em 2018 o Plano BIM no Brasil, por meio do Decreto Federal nº 9.377/2018 (revogado pelo Decreto Federal 9.983/19). O plano estabeleceu a "Estratégia Nacional para a disseminação do BIM", que faz parte de um planejamento do Governo Federal para incentivar o uso dessa tecnologia em nível nacional.


Nota do Editor: Jessica Rodrigues Duarte, advogada OAB/SC 55.529, colaboradora do Escritório Giovani Duarte Oliveira Advogados Associados.

PUBLICIDADE
ÚLTIMAS PUBLICAÇÕES SOBRE "BRASIL"Índice das publicações sobre "BRASIL"
11/06/2021 - 05h51 Mega-Sena acumulada deve pagar R$ 42 milhões
10/06/2021 - 06h03 IBGE: custos da construção sobem 1,78% em maio
08/06/2021 - 05h56 Prêmio da Mega-Sena acumula em R$ 12 milhões
05/06/2021 - 06h22 Mega-Sena deve pagar R$ 7,2 milhões
26/05/2021 - 06h09 Mega-Sena acumulada pode pagar R$ 80 milhões
· FALE CONOSCO · ANUNCIE AQUI · TERMOS DE USO ·
Copyright © 1998-2021, UbaWeb. Direitos Reservados.