02/03/2021  05h04
· Guia 2021     · O Guaruçá     · Cartões-postais     · Webmail     · Ubatuba            · · ·
O Guaruçá - Informação e Cultura
O GUARUÇÁ Índice d'O Guaruçá Colunistas SEÇÕES SERVIÇOS Biorritmo Busca n'O Guaruçá Expediente Home d'O Guaruçá
Acesso ao Sistema
Login
Senha

« Cadastro Gratuito »
SEÇÃO
Geral
14/02/2021 - 06h00
Quanto vale a sua sanidade mental?
 
 
Será que R$ 1,5 milhão - prêmio oferecido pelo BBB - vale o preço real?

Depois de diversas discussões dentro da casa mais vigiada do Brasil, que protagonizaram ofensas marcadas com lágrimas de quase todos os participantes, a pergunta veio à tona: “será que R$ 1,5 milhão, vale a sanidade mental de uma pessoa?”

Arcrebiano, um dos participantes eliminados, chegou a dizer a seguinte frase: “"Eu era uma pessoa anônima, ninguém me conhecia, eu era muito feliz. Agora eu estou triste".

“Qual preço você está disposto a pagar para colocar em risco a sua integridade física e emocional? Muitos se perdem e não se dão conta de que estão se perdendo. A gente presencia isso escancaradamente no BBB, onde não existe limite, nem filtro social. As pessoas não estão preocupadas se vão destruir o outro, o quanto vão acabar com a autoestima do colega ou se vão levar o outro a enlouquecer, chegando a fazer com que o outro questione a sua sanidade mental”, analisa Josiane Souza, psicóloga especializada em relacionamento.

Segundo a especialista, quando uma pessoa consegue fazer com que o outro acredite que está louco, está praticando um tipo específico de abuso social, conhecido como Gaslighting.

“Gaslighting é quando o abusador aponta o dedo pra vítima dizendo que a pessoa está louca e a vítima, em determinado momento se questiona se está louca mesmo. O objetivo do agressor é justamente esse: fazer com que a pessoa questione a sua sanidade mental, se está enlouquecendo”, explica Josiane.

“A gente presencia isso o tempo todo no jogo. Quando uma mentira é exposta e todos vão apontando o dedo, a ponto de um ser humano que está frágil diante de tanta pressão, questionar seu próprio comportamento, sua dignidade, seu ser... É aí que a gente se pergunta: até que ponto você vai para ganhar dinheiro? Até que ponto você se sujeita em relacionamentos tóxicos e abusivos, que estraçalham a mente humana?”

Josi pontua a vida fora do jogo onde a questão é a mesma. “É preciso parar e refletir. Será que você não está colocando em risco a sua sanidade mental por carência, medo ou dependência afetiva e financeira para ganhar algo? E, muitas vezes, o que você precisa ganhar é a sua própria existência - essa que você coloca em risco todos os dias”. A psicóloga, que já citou o Gaslighting no livro Relacionamento Abusivo - Guia prático para reconhecer e se libertar - diz que, seja no jogo do BBB ou no jogo da vida, “tá na hora da gente se questionar o que vale a pena”. Ela deixa a seguinte pergunta: “Do que vale ganhar muito dinheiro ou ter um relacionamento, mas não ter qualidade de vida, não conseguir levantar da cama por depressão ou pensar em tirar a própria vida? Temos sempre que nos questionar”.

PUBLICIDADE
ÚLTIMAS PUBLICAÇÕES SOBRE "GERAL"Índice das publicações sobre "GERAL"
27/02/2021 - 06h41 3 cuidados com o ar-condicionado no verão 
26/02/2021 - 05h58 IR: o que você precisa saber antes de declarar
24/02/2021 - 06h31 Quinoa no verão
23/02/2021 - 06h22 ClubHouse x gestão pública
22/02/2021 - 06h36 Crise de influência digital: e agora?
20/02/2021 - 06h36 4 mitos sobre o Reiki
· FALE CONOSCO · ANUNCIE AQUI · TERMOS DE USO ·
Copyright © 1998-2021, UbaWeb. Direitos Reservados.